Pages

sábado, 31 de janeiro de 2009

KADES SINGERS - FÉ IMBATÍVEL

01 - Levante a cabeça
02 - Chão De Estrelas
03 - Fugas
04 - Teu Plano
05 - Fé imbatível
06 - Os Olhos De Deus
07 - Olha A Brecha
08 - Angel Face (Carinha de Anjo)
09 - Rude Cruz
10 - Perfeita Paz
11 - Doxologia (Capela)
12 - Rude Cruz (Capela)



Filhos do Homem - Seremos Um - 2008

01.. Seremos Um
02.. Voarei
03.. Eu sou
04.. Meu Deus não falha
05.. Nasci pra te adorar
06.. Eu te busco
07.. Só de ouvir falar
08.. Adoração
09.. Elohim
10.. Príncipe da Paz
11.. Davi
12.. Sol da manhã
13..Guerreiros

Diante do Trono - A Canção do Amor - 2008

01. Saudades.mp3
02. Desperta.mp3
03. Pela Manhã.mp3
04. Com jubilo eu canto.mp3
05. Confio em teu amor.mp3
06. O teu amor.mp3
07. Pelo teu amor.mp3
08. A canção do amor.mp3
09. Porque te amo.mp3
10. Espôntaneo.mp3
11. Minha herança.mp3




Filhos do Homem - Em Tudo ao Meu Redor

01.. Em tudo ao meu redor .mp3
02.. Te adorar é o meu prazer .mp3
03.. Meu General .mp3
04.. Profetiza .mp3
05.. Como o sol .mp3
06.. Vem Senhor Jesus .mp3
07.. Teu nome .mp3
08.. Amigo e Senhor .mp3
09.. Aleluia .mp3
10.. Celebra a vitória .mp3
11.. Sou amigo de Deus .mp3




NeuView Media Player Professional + Vista Codec Pack

Descrição:
Player que deixa o video com qualidade digital. Sem propaganda enganosa. Esse cumpre o que promete. Sem sombras de dúvidas O MELHOR PLAYER DE TODOS OS TEMPOS!! Qualidade de Audio e Vídeo em HDTV, sem exagero!!!









Windows XP Professional SP3 - Atualizado Até Janeiro de 2009

Esse windows é uma versão de 2009 com todos os hotfixes ate janeiro de 2009 e possui:

Media player 11
Internet Explorer 7
Serial Incluso







Informações:
Versão: Home Edition SP3 (x86) - Profissional Corporate - Janeiro 2009
Idioma: Inglês/Portugues
Estilo: Sistema Operacional
Fabricante: Microsoft
Tamanho: 664 Mb
Formato: Rar
Idioma: Inglês + Tradutor


3herosoft Video Converter v3.0.5.0127

3herosoft Video Converter é um poderoso e fácil de usar o software video do conversor que pode converter entre todos os formatos populares de áudio e vídeo com velocidade rápida da conversão. Tais como converter AVI ao MPEG, WMV a AVI, WMV a MPEG ou H.264/AVC vídeo, 3GP ao MPEG, etc3herosoft Video Converter suporta suporta quase todos os dispositivos portáteis como iPod, iPhone, PS3, PSP, Xbox, Apple TV, Zune, Creative Zen, Blackberry, Celular, Archos, PC de bolso, etc3herosoft Video Converter suporta tão próximo de todos os formatos video tais como WMV, AVI, DivX, MPEG, MP4, H.264/MPEG-4 AVC, RM, MOV, XviD, FLV, 3GP, VOB (o formato vídeo usado em DVD) , DAT (o formato vídeo usado em VCD, SVCD), e assim por diante. Pode também extrair o áudio da lima video e convertê-las para M4A, MP3, AC3, AAC, WMA, WAV, OGG como você deseja.3herosoft Video Converter é uma escolha ideal como um filme e um conversor música conversor. Principais Características Apoio converter entre quase todos os formatos video populares; Extrair e converter o ficheiro de áudio de um vídeo um; Suporte a conversão de áudio / vídeo clipes personalizados com ponto de partida e de comprimento; Todos os codificadores e decodificadores são construídas em; Apoio antevisão função; Apoio H.264/MPEG-4 AVC codificação / decodificação; Apoio para ajustar parâmetros de áudio / vídeo codecs; Fastest Conversão da Velocidade; Suporte multi-threading e lote conversão; Apoio ao estabelecer diferentes modos de zoom para o arquivo de saída; Apoio ao estabelecer diferentes modos de dividir o arquivo de saída; Suporte para definir o nome do arquivo de saída; Suporte para editar o Tag ID3; Suporte para ler o arquivo fonte informação; Suporte múltiplos peles; Suporte várias línguas como o chinês simplificado e Inglês.

Banda GERD - 1995 - Sempre Juntos

01 - Sempre Juntos
02 - Encontrar Alguém
03 - Te Exaltar
04 - Ouve Oh Deus
05 - O Telefone
06 - Vem Espirito de Deus
07 - Você é Dez
08 - Miguel
09 - Manhã de Ressurreição
10 - Um Blues Para Jesus
11 - Mora No Coração
12 - Elohim o Criador
13 - Precisa de Jesus
14 - Decisão
15 - Lázaro
16 - O Único Caminho

David Scott - Hear My Heart (Instrumental)

01. To Him Who Sits on The Throne
02. In the Garden
03. Oh The Glory of His Presence
04. Lord I Lift Your Name on High
05. I Love You Lord
06. Nothing But the Blood of Jesus
07. Give Thanks08. Holy, Holy, Holy
09. Lord's Prayer
10. The Battle Belongs to the Lord




David Scott, um saxofone magnífico que nos conduz à presença de DEUS.

Filme - Soul Men

Sinopse:
Samuel L. Jackson e Bernie Mac interpretam ex-integrantes da banda The Real Deal, que fez um grande sucesso na década de 70. Eles se separaram por causa de uma briga e não se vêem há mais de 20 anos, então decidem se reunir para uma turnê em homenagem ao líder da banda (Legend), que faleceu. Terão que enfrentar muitas brigas e confusões no caminho.







Tamanho: 324 Mb
Áudio: Inglês
Legenda: Português
Formato: RMVB
Qualidade: DVD-Rip
Gênero: Comédia
Ano de Lançamento: 2008

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Encuentro - Luz y salvacion

1. En tu luz
2. Te doy gloria
3. Fuente de salvacion
4. Torre fuerte
5. Desde mi interior
6. Solo tu eres santo
7. Tu eres digno
8. Quien como El?
9. Espontaneo
10. Solo Dios puede salvar
11. Veo amor
12. Espontaneo




Eddy Alba - Eres Todo - 2008

01 Te alabare
02 Protegio
03 Te quiero dar
04 Perdonado (intro)
05 Perdonado
06 Examiname
07 Acercate
08 Dios eterno
09 Amor perfecto
10 Mi alegria
11 Faltas Tu

Jamile Zeidan - Se Prepare - 2009

Oração
Se prepare
Cadê o amor
Mais pra cima
Amor Verdadeiro
Que mundo é esse?
Por você
Sete pecados
Sou livre
Nome sobre todo o nome
Funk do Manoel
Game Over





Isabelle Valdez - Apoyate En Mi - 2009

Dios y Yo
El toque de su Gloria
En victoria Estoy
Imaginandome como Será
Apoyate en Mi
Fuera de Ti
El lenguaje de Fe
Aunque no te pueda Ver
Aferrada
Es tiempo de que Celebremos



Lucia Lima - Toque Nele

Toque Nele
O Escolhido
Sinai
Sonhos Guardados
O Mestre Chegou
Olha Ele Aí
Sombra do Onipotente
Deus Não Esquece de Você
O Deus de Elias







Mano Taz - Seu Brinquedo Escapou - 2009

01 - Intro
02 - Ta embasado
03 - Pode se acustumar
04 - Jesus liberta o mundo mata
05 - Luxo tentador part. Samuel
06 - Seu brinquedo escapou...
07 - Filho prodigo part. Face a Face e Dicipu'lus
08 - Cena de guerra part. Mano Tom
09 - Obrigado Jesus part. Sara Cristina e Deliane
10 - Disperta crente
11 - Salmo 59 part. LPD e Natália
12 - Quer vitória
13 - Vem o que vier part. Fernando e Deliane
14 - Se liga parceiro
15 - Se tudo se faz novo


Giselli Cristina - Deus é Fiel

Santo, Santo, Santo
A Ultima Hora
Conversão
Alma Abatida
As Ondas 578
A Procura De Ovelha
Vencendo Vem Jesus
Alvo Mais Que A Neve
Inovação E Louvor
Tu ES Fiel Senhor


Ellen David - Minha Vida

Obrigada Jesus
Único Amigo
Minha vida
Quero vencer
Em busca de solução
Sempre ao Teu lado
Soberano
A Tua unção
A mensagem da cruz
Um só lugar
Santo Nome
Graça Sublime



segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Everest Corporate 4.50.1330 + Serial

Lavalys EVEREST Corporate Edition estabelece um novo padrão de gestão automatizada rede, fornecendo uma gama completa de soluções para os administradores e funcionários helpdesk. O seu extenso conjunto de recursos inclui alertas de segurança e relatórios personalizados abrangendo informações hardware, software e sistemas operacionais, informações de segurança, diagnósticos, rede de auditoria, a mudança de gestão e monitoramento de rede. EVEREST é uma aplicação indispensável para todos os ambientes empresariais rede que utiliza as mais recentes tecnologias de TI mais baixos custos operacionais e de compra.
é massa pra instalar em uma rede que dá pra ter as informações de todos os computadores da rede, o que foi e o que está sendo feito naquele momento.


num precisa nem instalar pra rodar é só extrair e executar pra registrar é só colocar esse serial:HA38FVHD47XR4ST44SGFLMR9B e pronto!

Nome: Everest Corporate 4.50
Fabricante:Lavalys
Sistema Operacional: Windows
Estilo: Utilitário
Ano de Lançamento: 2008

domingo, 25 de janeiro de 2009

Andread Jó - Força

Andread Jó - A Viagem
Andread Jó - Canto
Andread Jó - Dub Platônico ou Pode Ser
Andread Jó - Eu Vou
Andread Jó - Força
Andread Jó - Jah Say Yes
Andread Jó - Luz de Jah
Andread Jó - Mundo Novo
Andread Jó - Platônico ou Pode Ser
Andread Jó - Searching a Way
Andread Jó - Terra do Sol




Comunidade Música Gospel - Instrumental Rock Gospel Vol. 01

Juninho Afram - Glória
Tourniquet - América
Renatinho, Stauros - You don't Deserve
Narnia - The Return of Aslan
Jimmy Oliveira - Just Memories
Kadoshi - Impetuous windsd
Elohim - Sound of Storm
Jimmy Oliveira - By influences
Roger Franco - Speed Guitar
Ozielzinho - Vaso quebrado



Comunidade Música Gospel - Black Music BR Vol. 01

Scooby - Sei que não sou merecedor - (Karllus Enrricke)
Raiz Coral - Louvado
Sergio Saas - Meu Deus Forte
Robson Nascimento - Quem é o dono deste amor?
Ton carfi - Clame ao pai
Muito Mais - Meu Coração
Renasoul - Direção certa
Templo Soul - O Que Há De Melhor Em Mim
Banda e Coral Hebron - Deus é o foco
Ellas - Quem Ora Não Erra
Banda Rara - Deixa Tudo
Quarteto FLG - Pronto Pra Batalha
Coral Kades - Fiel
Leonardo Gonçalves - Getsêmani
Soul Dreams - A Casa Vai Cair
Heivs - Feliz com Cristo
Coral Kadmiel - Eu quero louvar
Templo Soul & Ao Cubo - Venha Filho Meu
Coral Resgate - Nada Vai me Deter
Groove soul - Vamos a casa do Senhor

Bahia goleia o Ipitanga na reinauguração do estádio de Pituaçu



Elton, Ananias e Helton Luiz, duas vezes, fazem a alegria da torcida tricolor que lotou a arquibancada na nova casa do Esquadrão de Aço.


No dia da reinauguração do estádio de Pituaçu, a nova casa do Bahia, o Esquadrão de Aço deu um presente para seus torcedores que compareceram em massa na arquibancada e goleou o Ipitanga por 4 a 0, pela terceira rodada do Campeonato Baiano. Elton, Helton Luiz, duas vezes, e Ananias balançaram a rede. Com o resultado, o Tricolor fica na quinta posição com quatro pontos. Já o Ipitanga fica em penúltimo na classificação, com três.

Na próxima rodada, o Bahia enfrenta o Camaçari, fora de casa, enquanto o Ipitanga recebe o Fluminense de Feira de Santana. As duas partidas acontecem nesta quarta-feira, às 21h30m (horário de Brasília).

Veja a classificação do Campeonato Baiano 2009

Diante de seus torcedores, o Bahia começou a partida errando muitos passes, e o Ipitanga dominava as ações. A zaga do Esquadrão de Aço batia cabeça, irritando o técnico Alexandre Gallo. Até os 12 minutos, o Ipitanga havia criado duas oportunidades de inaugurar o placar. O Tricolor só foi ameaçar em seguida, com Alison, que cabeceou para fora após cobrança de falta de Helton Luiz. No entanto, a desorganização do Bahia era evidente.

Aos 35, finalmente, o Elton abriu o placar para o Esquadrão de Aço. Após o cruzamento de Ananias, a zaga do Ipitanga deu o rebote. Na seqüência, o meio-campo invadiu a área, se livrou a da marcação e bateu no canto do goleiro Marcos Vinícius. Oito minutos depois, aos 43, o garoto Helton Luiz anotou o segundo gol do tricolor. Já no fim da primeira etapa, o árbitro marcou impedimento no que poderia ter sido o terceiro gol do Esquadrão de Aço.

No segundo tempo, o Ipitanga partiu para cima, tentando diminuir, porém deixou espaços para o Bahia explorar os contra-ataques. Aos 20, depois da jogada de Marcone, Helton Luiz conferiu o terceiro gol do Esquadrão de Aço. Seis minutos depois, Reinaldo Alagoano rolou para Ananias, que soltou a bomba, decretando a goleada tricolor. Jairo ainda perdeu um pênalti para o Ipitanga.

Fonte: Globo.com

Entrevista com Paulo Carneiro

B.N - Quando o senhor começou a negociar com os membros da atual diretoria do Esporte Clube Bahia?

Paulo Carneiro - Começou há sete, oito meses atrás. O Gilberto Bastos me procurou na minha empresa e depois jantou comigo na minha casa e em paralelo o Marcelinho também me procurou junto com seu pai. E ai eu pedi que esperassem a decisão política do Bahia e que se eles continuassem com a mesma disposição que conversaríamos. E foi o que aconteceu.


B.N – O que o senhor encontrou de bom e ruim no clube?

Paulo Carneiro - De ruim eu não falo. Eu não faço política no Bahia, não comento sobre as questões administrativas do passado. Posso dizer que o patrimônio do Bahia precisava de cuidados, de alguma modernização, e é o que estamos fazendo. Estamos implantando um plano diretor de obras até o final do ano para que o Bahia tenha estrutura de Primeira Divisão. Na verdade, (o clube) já tem essa estrutura, mas as instalações não estavam adequadas para receber jogadores de Primeira Divisão, mas já estamos resolvendo isso.

B.N – O senhor tinha uma rivalidade muito grande com o ex-presidente do Bahia Marcelo Guimarães na sua época como presidente do Vitória. Como está sendo trabalhar com o filho dele?

Paulo Carneiro - Nós sempre fomos amigos, independente da rivalidade. Fomos colegas na Assembléia e nunca deixamos que a rivalidade mexesse com nossa amizade e foi graças a essa amizade que ele me procurou e me convidou para trabalhar com seu filho.

B.N – O ponto alto dessa rivalidade ocorreu no imbróglio do Campeonato Baiano de 1999. O atual supervisor do Bahia, Roberto Passos, foi quem entrou com o processo para tirar a final do Barradão. Como está sendo trabalhar diretamente com ele, já que, na época, o senhor não escondia sua irritação?

Paulo Carneiro - Eu nunca tive problemas com Roberto Passos. Sou muito amigo de Ronaldo (goleiro campeão Brasileiro pelo Bahia, que também defendeu o Vitória), Roberto apenas foi instrumento de um processo do Campeonato Baiano de 1999, mas nada a ver com o lado pessoal dele, muito pelo contrário, é uma pessoa extremamente competente.

B.N – Falando agora um pouco sobre o Vitória, qual o maior legado que o senhor acha que deixou para o clube?

Paulo Carneiro - Quando eu entrei no Vitória o time tinha menos títulos baianos que o Ypiranga. Meu maior orgulho no Vitória é ter deixado o clube sem depender mais de mecenas. Um clube que depende de uma pessoa física, conselheiro, para se sustentar é um clube que vive sob permanente risco dos humores das pessoas. Se a pessoa estiver de bom humor continuará ajudando, se estiver de mau humor não ajudará. E uma instituição não pode depender de ninguém, não pode pertencer a ninguém, ela tem que ter vida própria. Eu acho que o meu grande processo no Vitória é que ele hoje tem auto-suficiência financeira, não depende mais de ninguém. As pessoas vão passar pelo Vitória, mas a estrutura vai estar lá permanente, definitiva.

B.N – A atual diretoria do Vitória fala o contrário. Dizem que pegaram o clube na Terceira Divisão, com os salários atrasados e sem credibilidade nenhuma no mercado.

Paulo Carneiro - Salários atrasados não! Isso é outra mentira que falaram por ai, os salários no futebol são sempre pagos com atraso, mas são pagos. Porque jogador de futebol não entra em campo e se os salários não estivessem pagos estariam todos livres, porque com três meses o jogador está livre, e eu não me lembro de ter perdido nenhum jogador assim. Eu tive salários atrasados assim: com médicos, que eram profissionais liberais que tinham outras atividades. Quando o Vitória não recebeu o dinheiro de Obina (atacante atualmente no Flamengo e revelado nas divisões de base do Vitória), o Vitória ficou sem recursos e sem caixa e, obviamente, houve atrasos. Mas eu fiquei 16 anos no Vitória e gostaria que fizessem uma pesquisa na Justiça do Trabalho de quantos atletas do Vitória na minha época entraram com recursos contra o clube e você vai ver que a quantidade é ínfima. Portanto, isso é mais uma mentira que contaram e muita gente acreditou.

B.N – Mas a atual diretoria do Vitória afirma que pegou o clube praticamente falido.

Paulo Carneiro - O que é falido? Uma empresa falida tem que fechar! É, é verdade, eu ouvi falar muito disso, palavras mentirosas, mas é verdade que eles falaram isso, mas é mentira! O que aconteceu foi uma decisão política que eles tomaram de não pagar nada da minha época, mas usaram as receitas da minha época, mas não quiseram pagar o passivo, entendeu? É muito cômodo usar a venda da sede de praia, que foi vendida por R$ 8 milhões, pra sustentar o clube na Série C toda. Usaram R$ 10 milhões na Terceira Divisão e R$ 8 foi eu que deixei. E isso são fatos, não é opinião. O dinheiro está lá e não era nem pra ser usado dessa forma e o conselho do Vitória se omitiu, não era pra ter permitido utilizar, porque o dinheiro era pra ter sido usado para completar o patrimônio do clube. Por isso que a sede foi vendida, usaram muito mal o dinheiro, apesar da causa ser nobre, já que o clube precisava subir. Agora, dizer que o Vitória estava quebrado com R$ 8 milhões de caixa? Nunca vi um clube quebrado com R$ 8 milhões de caixa. Você conhece algum?

B.N – Porque o senhor acha que eles disseram que o clube estava falido?

Paulo Carneiro - São uns espíritos de porco, que como eles têm no mundo todo. É que nem um mosquito, todo lugar tem espírito de porco. É gente que não sabe fazer, certo? Que encontrou tudo pronto e ainda acha de criticar quem fez. Isso faz parte do mundo e a gente tem que aprender a conviver com esse tipo de pessoa. B.N – E o processo indenizatório que o senhor move contra o Vitória?Paulo Carneiro - Não falo sobre o processo.

B.N – Voltando ao Bahia, o senhor causou polêmica ao afirmar que o volante Marcone estava parecendo uma “baiana de acarajé” de forma pejorativa. Não acha que esse tipo de cobrança pública é excessiva?


Paulo Carneiro - Já não está mais, hoje é um motivo de orgulho ver o jogador recuperado e acho que vai trazer muitos resultados para o Bahia. Jogador com muita condição, muita qualidade. Não acho que esse tipo de cobrança seja excessiva, cada um administra da forma que acha que tem que administrar. O resultado é que ele já está fininho e pronto!
B.N – Qual a função do empresário de jogadores Orlando da Hora na diretoria do Bahia, já que boa parte dos atletas contratados são clientes dele e ele está sempre no Fazendão acompanhando os treinamentos?
Paulo Carneiro - Ajudou a mim, ele é meu amigo. Trabalhou comigo muitos anos e me ajudou nesse trabalho de captação de jogadores no mercado. Como qualquer clube pode ter um empresário ligado ao clube que queira ajudar de forma desinteressada, não vejo nenhum problema com isso. O caso dele é diferente, por exemplo, do de Guga (empresário sócio da Antoniu’s) com o Vitória, que tem outros interesses. Orlando não tem interesse nenhum, aqui não saiu ainda um cheque pra Orlando, então a questão é diferente.

B.N – Quais foram os jogadores indicados por ele?Paulo Carneiro - Isso é uma questão interna nossa. Ele me ajudou na formação do plantel.

B.N – O Bahia contratou, até agora, 21 jogadores, sendo que os mais famosos como Nen, Patrício, Rogério Corrêa e Rubens Cardoso jogam na defesa. É coincidência ou algum critério?

Paulo Carneiro - Os jogadores da frente são mais caros quando são conhecidos, uma coisa natural e é muito mais difícil conseguir jogadores de ataque do que os de defesa, mas nós temos alguns conhecidos, como é o caso de Beto. O importante é que eles dêem resultado, porque muitas vezes jogadores desconhecidos produzem mais que os conhecidos.

B.N – Mas os jogadores de frente contratados são em sua maioria novos e com características de serem leves e rápidos. O Ramon não foi contratado por isso?

Paulo Carneiro - Ramon não é pesado, é leve, mas nunca foi um jogador rápido, mesmo com 20 anos sempre foi lento. É uma característica, hoje o futebol pede jogadores rápidos na frente, hoje tem muito contato, quanto mais leve o jogador, mais fácil de jogar. Não tem nada, isso é apenas um detalhe.

B.N – O que está achando do treinador Alexandre Gallo?

Paulo Carneiro - Estou gostando muito, é moderno, acompanha tudo, muito bom. Espero que o time esteja à altura do treinador, já que o técnico não faz milagre se os jogadores não ajudarem.

B.N – Na época do Vitória o senhor teve problemas com alguns membros da imprensa. Agora no Bahia e mais experiente acha que terá novamente essas querelas?

Paulo Carneiro - Eu prefiro não entrar nesse mérito. Eu trabalho para o Bahia e nós temos nossa assessoria de imprensa aí e vamos continuar fazendo nosso trabalho. No dia que eu achar que eu devo impor limite à falta de respeito, eu vou saber impor esses limites, entendeu? Eu acho que se deve brincar com o futebol, mas não se deve desrespeitar o futebol, principalmente quem vive dele. Fazer chacota do futebol pode parecer muito bom para os ouvidos de pessoas incautas, ignorantes. Para as pessoas esclarecidas, elas vão selecionando e acabam descobrindo que o futebol é uma atividade econômica séria e tem que ser tratada com seriedade. Se eu faço uma brincadeira, uma gozação, faz parte da vida, ainda mais para nós baianos, que somos alegres. Agora, tem que haver respeito. Se eu sentir que (o respeito) não está existindo, vou impor como sempre impus desde a época do Vitória. Agora vai ser do meu jeito. Cada um impõe do seu jeito. Espero que a gente possa fazer um futebol saudável. Trato as minhas coisas sempre com muita seriedade. Se alguém quiser brincar com as coisas que eu faço desde que não haja falta de respeito é um direito de cada um. Não vou entrar pessoalmente em nada disso aí. O esporte, eu costumo dizer, que é o lugar ideal para os incompetentes se locupletarem.

B.N – O senhor participou da formulação da cartilha implantada pelo treinador Alexandre Gallo para o trabalho da imprensa no dia a dia do clube?

Paulo Carneiro - Não, e eu acho que ele foi muito sábio. Se ele não fizesse, eu teria feito, mas ele se antecipou e eu apoiei. É preciso criar regras e normas, mas as pessoas aqui não gostam não, querem mandar no clube, pautar entrevista com o treinador, e aí eu acho que os papeis estão se invertendo, o carro está na frente dos bois e isso não é possível. Ninguém faltou com o respeito com a imprensa, muito pelo contrário. Fizemos uma rotina que ajuda a imprensa saber que tal dia tem entrevista com tais jogadores. Eu acho que isso tudo é tentar organizar a relação entre o clube e a imprensa. É assim no mundo todo, porque no Bahia tem que ser diferente? Eu acho que cansa falar com o treinador todo dia. Vão fazer o que, perguntar as mesmas coisas todos os dias? Tem que procurar inovar. É porque tem gente que acha que porque tem a imprensa na mão pode pautar e até mandar nas ações do clube. E isso não vai acontecer aqui, pelo menos enquanto eu tiver a confiança da diretoria para comandar o futebol e o marketing do Bahia. Nós vamos respeitar, temos uma assessoria de imprensa para divulgar as informações e isso será sempre pautado por nós. Mas não existe radicalismo, basta conversar com Gallo e com Jayme Brandão (assessor de imprensa) e tentar entrar em acordo pra facilitar pra todo mundo. O país inteiro faz assim.

B.N – Em uma de suas últimas colunas no Bahia Notícias, o comentarista Edson Almeida deu a entender que o senhor poderia trazer para o Bahia o projeto da arena que tinha para o Vitória. A informação procede?

Paulo Carneiro - Eu apenas acho que o Bahia tem que começar a pensar seriamente no seu estádio, embora Pituaçu esteja ai pronto para atender o clube, uma obra muito importante do governo do Estado. Mas o Bahia tem que começar a pensar em seu estádio, mas tem que aguardar também, tem muitas coisas acontecendo. A nova Fonte Nova ficará pronta pra Copa do Mundo vai ficar pra quem jogar depois? Na Copa serão quantos jogos, quatro? Então você gasta milhões e milhões em quatro jogos e depois, nada? Mas o Bahia precisa ter seu estádio e acho que Pituaçu é o caminho. Talvez não precise. Se a gente conseguir uma convivência harmônica com o Estado e ele for sensível com as reivindicações do Bahia, não precisaremos de outro estádio.

B.N – E o interesse público do Vitória no estádio de Pituaçu, o senhor acha que não passa de provocação?

Paulo Carneiro - Eu acho que isso só acirra os ânimos. Rivalidade esportiva é uma coisa ótima, mas acirramento de ânimo é outra e não é bom. Eu acho que o Vitória não tem que se meter no que não lhe diz respeito, nem o Bahia se meter nas coisas do Vitória. Cada um tem que cuidar de sua vida e a gente fazer um futebol respeitoso. Essas questões vão ser todas superadas e o Bahia vai jogar em Pituaçu pra 32 mil pessoas sem problema. Esse estádio já jogou pra 20 mil pessoas antes sem problema nenhum. Mas o assunto de Pituaçu está todo nas mãos do presidente e é ele quem está resolvendo tudo. Posso apenas lhe dizer que o problema com o estacionamento já foi todo resolvido.

B.N – O senhor já deu declarações afirmando que o Vitória passou a contratar jogadores mais caros após o anúncio dos novos reforços do Bahia. Realmente concorda com isso?

Paulo Carneiro - Não sei se é verdade, mas deu essa impressão. Mas tudo bem, isso é bom. É sinal que o campeonato terá a rivalidade aguçada. Espero que haja respeito entre as pessoas, porque estamos aqui para fazer um trabalho sério e profissional. Vamos ser muito provocados e espero que as pessoas do lado de lá tenham juízo para não cair nas provocações, vazias, de pessoas que ganham dinheiro a custa dessas provocações. Espero que nós todos estejamos vacinados.

B.N – Quando o novo plano de marketing do Bahia será apresentado à torcida?


Paulo Carneiro - O plano de marketing do Bahia foi apresentado em uma reunião de diretoria e acredito que aprovado. Estamos esperando a definição de Pituaçu para podermos anunciá-lo para todos, porque o estádio é o habitat de todas essas campanhas de marketing sejam desenvolvidas. Mas posso adiantar que é um plano grande, enorme, galgado, principalmente, na interatividade do clube com seu torcedor. Quanto mais você aumenta essa proximidade, mas fiel o torcedor fica.

B.N – O senhor tem algum plano de seguir carreira política no Bahia e no futuro se tornar presidente do clube?

Paulo Carneiro – Não, não tenho nenhuma intenção.

B.N – O senhor acha que seu trabalho no Bahia pode servir de ponte para buscar outros mercados no futebol brasileiro?

Paulo Carneiro – Não precisaria, né? Eu acho que meu trabalho no Vitória já daria ao meu currículo suficiente prestígio se eu quisesse avançar nesse mercado. E eu espero que esse trabalho meu leve muitos anos aqui no Bahia. Estou sendo muito bem tratado e estou fazendo tudo com absoluta seriedade, com transparência e, por enquanto, eu quero pensar só no Bahia, certo? Eu tenho uma empresa que presta serviço ao Bahia e espero que essa empresa tenha vida após minha saída do Bahia.

B.N – Na sua época à frente do Vitória, o nome Paulo Carneiro se confundia com o do clube. Como está sendo agora ser diretor do maior rival do seu ex-clube?

Paulo Carneiro - Rapaz, eles estão associando o Bahia a Paulo Carneiro e eu tenho visto isso claramente nas ruas pelo menos e fico muito feliz. Eu sou um escudeiro do presidente Marcelo Guimarães Filho e ele sabe que conta comigo independente da nossa relação de amizade. Ele sabe quem ele tem ao lado e que pode confiar e eu me sinto muito bem aqui. Estou fazendo as coisas com absoluta tranqüilidade sabendo que não adianta precipitar. Esse processo é um processo lento, mas gradual. O Bahia tem que avançar na sua infra-estrutura, certo? E dentro de campo tem que começar a se organizar de uma forma vencedora, eu acho que esse é o caminho. Montamos uma equipe muito em cima da hora, já que as eleições foram um pouco tardias, atrapalharam esse planejamento. Devemos ter cometido alguns erros, que vamos corrigir durante o campeonato, mas esperamos que o grupo seja suficiente para conquistarmos o Campeonato Baiano. Mas, com certeza, entraremos no Campeonato Brasileiro com a equipe ajustada pra tentar a volta a Primeira Divisão, que é o desejo de todos que gostam do Bahia.

Fonte: Éder Ferrari - BN Esportes

sábado, 24 de janeiro de 2009

Tutoriais Infomaster Photoshop

Descrição: Há muitos anos, o Adobe Photoshop se firmou como o mais conceituado programa para PC de edição de imagens. E o que é mais importante: com plena satisfação dos seus usuários (ao contrário de softwares como o próprio Windows, por exemplo). Para criar novas imagens, retocar fotos, aplicar cores a imagens preto e branco ou até mesmo diagramar capas de revistas, o Photoshop é a melhor pedida. Agora, na sua última versão (versão 5.5), ele se torna também um ótimo programa para a criação de imagens voltadas à publicação na Internet. Através deste guia, o leitor será familiarizado com as diversas etapas da edição de imagens pelo Photoshop.


Os principais tópicos a serem abordados são:
• Conceitos básicos sobre imagens
• A interface do programa
• Iniciando um novo trabalho
• A barra de ferramentas
• Criando seleções
• Aplicando filtros
• Trabalhando com camadas
• Salvando o seu trabalho
• Opções da barra de menus


*Tipo: Ebooks
*Páginas: 61
*Idioma: Português
*Tamanho: 4,6MB

Termo de uso

Atenção: Este blog não hospeda nenhum arquivo, apenas anexa links de arquivos encontrados na internet. Não me responsabilizo pelo mau uso do conteúdo encontrado no Blog e também não me responsabilizo por qualquer dano ou prejuízo causado por alguma coisa postada aqui. Se algo contido no Blog é de sua propriedade ou lhe causa algum dano ou prejuízo, entre em contato pelo e-mail kellgalvao@msn.com. que iremos retirar o conteúdo do Blog o mais rápido possível. O conteúdo aqui presente é apenas de divulgação e informação, devendo ser apagado após 24 horas. Incentivo a aquisição de produtos originais e licenciados. É expressamente PROÍBIDA toda e qualquer tipo de cópia com intuíto de comercialização/propaganda de CDs ou DVDs com o conteúdo que acabou de baixar!.